Indiferenciação e alienação partidária no Brasil

Nos últimos anos, diversas pesquisas têm registrado um declínio nas taxas de identificação partidária em diferentes regiões do mundo. Uma preocupação da literatura tem sido compreender se os eleitores que se afastam dos partidos tomam essa decisão mediante uma decisão racional e bem informada, carac...

Full description

Main Authors: Borba, Julian, Ribeiro, Ednaldo Aparecido, Gimenes, Éder Rodrigo, Casalecchi, Gabriel Avila
Other Authors: Tribunal Superior Eleitoral
Format: Artigo
Language: Português
Published: 2019
Subjects:
Online Access:
id oai:bdjur.stj.jus.br.teste5:oai:localhost:bdtse-5608
recordtype tse
spelling oai:bdjur.stj.jus.br.teste5:oai:localhost:bdtse-56082020-06-02 Indiferenciação e alienação partidária no Brasil Borba, Julian Ribeiro, Ednaldo Aparecido Gimenes, Éder Rodrigo Casalecchi, Gabriel Avila Tribunal Superior Eleitoral Partido político Eleitor Identificação Cultura política Nos últimos anos, diversas pesquisas têm registrado um declínio nas taxas de identificação partidária em diferentes regiões do mundo. Uma preocupação da literatura tem sido compreender se os eleitores que se afastam dos partidos tomam essa decisão mediante uma decisão racional e bem informada, caracterizada pela autonomia e independência em relação aos partidos (indiferenciação), ou se o motivo seria uma atitude de desencanto e afastamento do sistema partidário ou até mesmo do regime como um todo (alienação). Este artigo investiga essa questão aplicada ao caso brasileiro. Para isso, foram utilizados os dados do Estudo Eleitoral Brasileiro (2002, 2006, 2010 e 2014). Os resultados demonstram que o percentual de eleitores indiferentes e alienados variam conjuntamente, especialmente em conjunturas críticas na qual o governo se envolve em escândalos de corrupção. Essa variação é em parte explicada pela baixa nota atribuída pelos eleitores indiferentes, fazendo com que todos os partidos sejam vistos igualmente "ruins". Constata-se ainda que indiferentes e alienados compartilham dos mesmos determinantes, sendo que em ambos estão ausentes fatores ligados à mobilização cognitiva, como a escolaridade e o interesse por política. Esses resultados têm consequências importantes para a democracia brasileira. In recent years, several studies have identified a decline in party identification in different regions of the world. The literature has sought to understand whether voters who depart parties take this decision by a rational and well-informed decision, characterized by autonomy and independence from the parties (non-differentiation), or if the motive would be an attitude of disenchantment and withdrawal from the system partisan or even of the regime as a whole (alienation). This article investigates this issue applied to the brazilian case. For this, it was used data from the Brazilian Electoral Study (2002, 2006, 2010 and 2014). The results show that the percentage of indifferent and alienated voters vary together, especially at critical junctures in which the government gets involved in corruption scandals. This variation is partly explained by the low score given by the indifferent voters, making all parties are also seen "bad". It was found that indifferent and alienated share the same determinants and that both are absent factors linked to cognitive mobilization, such as education and political interest. These results have important consequences for brazilian democracy. 2019-05-29T17:47:57Z 2019-05-29T17:47:57Z 2018 Artigo BORBA, Julian et al. Indiferenciação e alienação partidária no Brasil. Revista Brasileira de Ciência Política, Brasília, n. 27, p. 105-137, set./dez. 2018. http://bibliotecadigital.tse.jus.br/xmlui/handle/bdtse/5608 pt_BR <a rel="license" href="http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0/deed.pt_BR"><img alt="Licença Creative Commons" style="border-width:0" src="https://i.creativecommons.org/l/by-nc-sa/4.0/88x31.png" /></a><br />Este item está licenciado com uma Licença <a rel="license" href="http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0/deed.pt_BR">Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional</a>. 33 p.
institution TSE
collection TSE
language Português
topic Partido político
Eleitor
Identificação
Cultura política
spellingShingle Partido político
Eleitor
Identificação
Cultura política
Borba, Julian
Ribeiro, Ednaldo Aparecido
Gimenes, Éder Rodrigo
Casalecchi, Gabriel Avila
Indiferenciação e alienação partidária no Brasil
description Nos últimos anos, diversas pesquisas têm registrado um declínio nas taxas de identificação partidária em diferentes regiões do mundo. Uma preocupação da literatura tem sido compreender se os eleitores que se afastam dos partidos tomam essa decisão mediante uma decisão racional e bem informada, caracterizada pela autonomia e independência em relação aos partidos (indiferenciação), ou se o motivo seria uma atitude de desencanto e afastamento do sistema partidário ou até mesmo do regime como um todo (alienação). Este artigo investiga essa questão aplicada ao caso brasileiro. Para isso, foram utilizados os dados do Estudo Eleitoral Brasileiro (2002, 2006, 2010 e 2014). Os resultados demonstram que o percentual de eleitores indiferentes e alienados variam conjuntamente, especialmente em conjunturas críticas na qual o governo se envolve em escândalos de corrupção. Essa variação é em parte explicada pela baixa nota atribuída pelos eleitores indiferentes, fazendo com que todos os partidos sejam vistos igualmente "ruins". Constata-se ainda que indiferentes e alienados compartilham dos mesmos determinantes, sendo que em ambos estão ausentes fatores ligados à mobilização cognitiva, como a escolaridade e o interesse por política. Esses resultados têm consequências importantes para a democracia brasileira.
author2 Tribunal Superior Eleitoral
format Artigo
author Borba, Julian
Ribeiro, Ednaldo Aparecido
Gimenes, Éder Rodrigo
Casalecchi, Gabriel Avila
title Indiferenciação e alienação partidária no Brasil
title_short Indiferenciação e alienação partidária no Brasil
title_full Indiferenciação e alienação partidária no Brasil
title_fullStr Indiferenciação e alienação partidária no Brasil
title_full_unstemmed Indiferenciação e alienação partidária no Brasil
title_sort indiferenciação e alienação partidária no brasil
publishDate 2019
url http://bibliotecadigital.tse.jus.br/xmlui/handle/bdtse/5608
_version_ 1673263964053569536
score 12,432045